Análise – Starhawk Beta

Análise – Starhawk Beta

Starhawk é um dos títulos mais aguardados para PS3, desenvolvido pela LightBox Interactive e
SCE Santa Monica Studio é um shooter em 3ª pessoa com elementos de RTS, isto é os jogadores podem adicionar ou remover elementos do mapa como bases, fortificações,paredes, armas e muito mais que além de mudar as condições do mapa são importantes para defender sua base.

Nesta análise vou falar do modo Capture the flag que é um modo conhecido por estar presente em vários titulos de jogos de tiro e também porque é o modo que mais joguei neste beta.

Como é um beta você começa o jogo sem a mínima ideia do que fazer e de quais comandos usar, mas não tem mistério nenhum e os comandos são relativamente simples e intuitivos. Primeiro você precisa aprender a criar fortificações, elas são importantes no jogo e dão uma grande vantagem na hora do combate. Em cima da tela a direita fica a barra de resources, esta barra mostra o quando de energia você tem e esta energia determina que tipo de fortificação você vai poder criar. Você pode ganhar energia de 4 maneiras basicamente, uma é matando um inimigo ou destruindo naves ou fortificações inimigas a segunda maneira é ficando na sua base perto do coletor de energia a terceira é encontrando e atirando em barris espalhados pelo mapa que vão lhe dar uma boa quantidade de energia e a última é comprando uma skill que te da uma quantidade de energia independente do local qual você esteja.

Starhawk

As construções caem do céu literalmente.

A construção no jogo é uma das partes mais legais, utilizando o triângulo no controle você escolhe o que quer construir, o jogo te da a possibilidade de posicionar aonde quer construir o item e clicando no local imediatamente começa a construção. Do espaço cai uma peça gigante que ao chegar no chão começa a se montar no melhor estilo transformers, uma animação muito legal que muda dependendo do que você escolheu, uma vez pronta você pode utilizar ou até melhorar.

Cada um dos prédios que você constrói serve para alguma coisa um exemplo é que se você construir um bunker, você pode entrar dentro dele e estará disponível para você 2 novos tipos de armas e um suprimento de granadas, caso você construa uma torre de Sniper,estará disponível na torre uma arma de Sniper para você usar, as armas que você encontra nestes prédios são infinitas e sempre aparecem novamente alguns segundos depois que você as pegou, portanto todo time se beneficia de uma construção.

Pelo menos no beta somente 2 veículos estão disponíveis, um é o Hawk uma espécie de transformer do jogo, você pode utilizá-lo como nave e sair voando pela fase atacando outras neves ou transformá-lo em um robô gigante e detonar as bases inimigas. Outro veículo é um tipo de buggy, que pode levar 3 pessoas ao mesmo tempo, duas na frente e uma atrás utilizando a arma do carro, este carro é muito utilizado no capture the flag pois é o meio mais rápido de levar a bandeira inimiga para sua base.

Starhawk

Veículos e naves (Hawk) ajudam no combate

O Combate é bem simples, qualquer pessoa que joga algum tipo de de jogo de tiro de primeira pessoa ou mesmo de terceira vai se adaptar rapidamente aos comandos, R1 atira, armas trocam pelo direcional, L2 é a mira e R3 é a faca. O Combate é bem rápido a metralhadora que é a arma que você sempre começa tem um alcance bem longo e funciona muito bem em rajadas. Você ainda pode pegar uma shotgun, um lançador de mísseis ou um rifle sniper.

No início do jogo ou quando você morre, você ira nascer novamente em um drop pod, você irá ver um  mapa mostrando sua base e a base inimiga, caso algum jogador tenha construído um beacon que é um tipo de torre e serve para que seus aliados tenham outro ponto de descida pelo mapa você também poderá descer ali, durante a queda do pode você pode movimenta-lo um pouco afim de pousar no melhor lugar possível e uma vez no chão você sairá de dentro dele apertando o quadrado.

Inicialmente no beta o jogo possui somente 2 mapas pequenos feitos para 16 jogadores, mas a empresa prometeu liberar logo logo mapas de 32 jogadores.

Encontrei poucos problemas no jogo, algumas falhas no para como pedras que você pode atravessar no meio e partes que você fica literalmente preso e a única saída é se suicidar. Um dos maiores problemas para mim é a conexão, o jogo usa o mesmo método de Call of Duty para o multiplayer com um jogador sendo host e neste beta muitas vezes o jogo simplesmente não conectava em nenhum jogo e dava os mais diferentes erros, mas quando conectava rarmente dava algum problema.

Os cenários do jogo são visualmente muito bem feitos e grandes o bastante para que você possa voar com os Hawks sem problemas.

Starhawk

Cenários ajudam no Voo

Gostei muito do jogo e tenho certeza que ele será um dos melhores jogos de Ps3 este ano, somente a possíbilidade de mudar o cenário completamente adicionando a ele construções dos mais variados tipos e mudar completamente o estilo da partida da a Starhawk possibilidades ilimitadas de diversão pois você pode ter certeza que cada partida será diferente da outra, resta agora saber se funcionará bem em singleplayer e no modo coop que vão fazer parte do jogo final.

Caso você tenha a possibilidade de participar do open beta com certeza não vai se arrepender.

[youtube video=ZNxPrjlyFG0]

Previous Atualização da Ps Home adiciona luta Street Fighter X Tekken
Next Hawken trás batalhas de robôs gigantes

Sobre

Você pode gostar de

Matérias

Como criar sua rádio no GTA V (PC)

Quando se fala de músicas no GTA V, todo mundo sempre quer criar sua própria rádio, nada melhor do que ouvir suas músicas preferidas enquanto detona a galera no GTA

Games

Demons’s Souls o jogo mais difícil dos novos consoles? Aceitei o desafio.

Hoje se comemora o aniversário de 2 anos do lançamento de Demon’s Souls jogo que foi classificado pela maioria dos sites de jogos como o mais difícil de todos os

Games

Novo Devil May Cry lança esta semana

Esta nova versão de DMC faz uma reinvenção do clássico jogo da Capcom abrindo uma nova fronteira para uma franquia que estava um pouco esquecida nos últimos anos.